quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Amor & Carinho

Eu devo ser uma mãe muito melosa, ou isso é coisa de mãe brasileira? Percebo que os pais canadenses, ao deixar os filhos na escola, só dão um tchauzinho de longe. Eu preciso abraçar e beijar, sempre! Ás vezes o Pedro quer ir correndo pro portão da escola, mas eu seguro ele e encho de beijos antes que ele se esqueça de se despedir de mim. Ao encontrá-los na saída já vou de braços abertos esperando um abração pra matar a saudade. E um beijinho na bochecha sempre tem que ter. Acho que as professoras ou outras mãe devem me achar muito estranha!

Os filhotes vão crescendo, eu continuo melosa, e vamos aprendendo novas formas de demonstrar carinho. Quando pequeninhos eu estava sempre grudada dos meus meninos, dava muito colo e os beijava o tempo todo! Agora a aproximação física vai diminuindo, e vamos demonstrando carinho na conversa, na atenção, no interesse pelas coisas dele. Pegar o Allan no colo é constrangê-lo, mas vejo que ele se sente amado quando paro o que estou fazendo pra assistir ele tocar piano, ou quando pergunto em que página ele está em seu livro, ou quando assisto algum filme ou programa junto com ele. Claro que ainda dou cafuné, beijos e abraços, na hora certa. Mas em um nível muito menor. Tento apertar o Pedro e encher de beijos enquanto o considero meu pequeno, mas ele já dá demonstrações de que está grande demais pra isso também. 

De qualquer maneira noto que meus meninos são muito carinhosos. Eles se tratam muito bem, como irmãos. São uns queridos! Um cuida do outro; o Allan sempre como o irmão mais velho protetor, que sabe mais e quer ensinar o Pedro, e o Pedro sempre como o irmãozinho que gosta de seguir e imitar o irmão. Estão sempre se abraçando, o Pedro abraça o Allan, que corresponde e dá muito carinho pro seu irmãozinho. Amo ver esses dois juntos! São muito amigos e companheiros. Gosto de ver que todo o carinho que dei eles se dão entre eles também.


Claro que não é assim o tempo todo! Eles brigam, como todos os irmãos. Eles deduram os erros do outro. Eles perdem a paciência. Ás vezes o Allan quer ficar sozinho, quer seu espaço. E ás vezes o Pedro fica bravo porque o Allan não quer brincar com ele. Mas nunca vi eles querendo o mal para o outro, ou querendo ser melhor que o outro. Esses sentimentos nunca foram demonstrados por eles.

Sou muito grata por ter esses dois meninos, recebo carinho e amor em dobro. Deus me abençoou muito com esses filhos carinhosos!




segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Diabetes, emagrecimento e saúde

Prometi não fazer mais resoluções de ano novo pois cansei de querer mudar na virada do ano e nunca conseguir. A principal resolução de todos os anos sempre foi cuidar da saúde, ser mais saudável, emagrecer.  E realmente essa resolução estava sendo alcançada com o passar dos anos, mas no fim de 2014 descobri que eu não posso mais me considerar uma pessoa saudável. Descobri que estou com diabetes, e aí tudo mudou.


Foi na semana do meu aniversário de 27 anos que tive essa notícia e foi um choque pra mim. Fiquei muito triste por saber que estava diagnosticada com uma doença grave e crônica que me acompanhará pro resto da vida a partir de agora. A médica me passou um remédio e disse que na próxima consulta faríamos novos exames e se não houvesse uma mudança drástica eu teria que começar a usar insulina. Depois de passado o susto inicial eu decidi que ia dar um jeito nisso. Me recusei a tomar o remédio sem antes tentar pela forma mais natural. E agora, um mês depois, estou muito orgulhosa da minha decisão. Foi um mês inteirinho de alimentação 100% restrita, sem açúcar e com carboidratos controlados e apenas integrais. Já na primeira semana minha glicose que estava 9.5 baixou para 7.5 (aqui no Canadá a numeração é diferente do Brasil, 9.5 é considerada diabetes bem alta). Na segunda semana comecei a fazer exercícios físicos diários, e então o progresso foi mais notável. Já no final da segunda semana eu estava com 5.6, número que tenho mantido até agora. Ainda não estou segura, pois nos dias em que como algum carboidrato a mais, a glicose aumenta no outro dia, vai pra 6.7, por aí. Então eu não posso vacilar com a alimentação pois meu corpo reage muito rápido. Mas pelo menos na consulta dessa semana terei alcançado os resultados drásticos que a médica queria e sem o uso dos remédios. 


Quem me conhece sabe que eu sou (ou era?) a pessoa mais viciada em doces que existe.  E não é nada fácil fazer essa mudança radical. As primeiras semanas foram muito ruins, eu estava mudando minha rotina, saindo da zona de conforto e isso incomoda pra caramba. Mas fui colocando na cabeça que não tinha jeito, agora eu precisava mudar. Já comi doces demais e agora estou assumindo as consequências disso. Não é hora de ficar com pena de mim mesma por ter que cuidar tudo o que eu como, é hora de consertar o que fiz, cuidar o corpo que tenho maltratado nos últimos anos.

Mas tem um lado muito bom em meio a tudo isso: estou emagrecendo! Tenho perdido 1kg por semana com os exercícios e a dieta restrita. E o sonho que eu cultivo há anos, de perder 10 kgs, está se realizando agora, sem eu nem ter me esforçado pra isso acontecer. Há 5 anos tento perder esses 10kgs que engordei no último ano da faculdade, quando eu tinha o Pedro com 1 aninho pra cuidar e passava as madrugadas em claro pra conseguir fazer minha monografia. Foram noites e noites sem dormir comendo quilos de chocolate pra conseguir me manter acordada. Foi o momento mais tenso da minha vida e eu descontei tudo nos doces. O chocolate era o meu calmante. Dos 62kgs que eu tinha chegado 2 meses após o parto do Pedro, eu fui pra 72 em apenas um ano. E depois disso não consegui emagrecer, e fui ganhando ainda mais peso! Logo fui pros 75kgs onde estacionei por uns 4 anos. Tenho tentado perder esse peso faz tempo, comecei com dieta e exercícios em 2013 e perdi 5kgs. Relaxei e recuperei os 5kgs rapidamente. No ano passado fiz o jejum dos sucos e perdi 4kgs em uma semana, e consegui manter o mesmo peso por uns 4 meses. Mas em setembro quando mudamos pra Toronto eu me descontrolei novamente. Estava ansiosa com a mudança e frustrada com o processo de validação do meu diploma aqui em Ontario, que até agora não chegou, o que me impede de poder trabalhar. Esse tempo todo em casa, nervosa, esperando, não me faz bem e lá vou eu descontar na comida! Dois meses após a chegada em Toronto eu já estava com meus 75kgs novamente! Que frustração!


No fim do ano tentei voltar pra linha, pedi ajuda pro Tiago, pra ele me motivar e até fizemos uma aposta pra me dar ânimo. Mas não consegui controlar a alimentação e voltar pros exercícios, estava um poço de preguiça e sem nenhuma energia. E foi então que descobri a diabetes. Somente com esse choque eu consegui a motivação que tanto precisava pra cuidar da minha saúde. Desde o natal já perdi 5kgs, mas ainda quero perder mais 8 e voltar pros 62kgs que eu estava após ganhar o Pedro. Tenho 1.69 de altura e esse peso é o ideal pra mim. 

Agora pela primeira vez em muito tempo eu estou determinada. Não encontrava motivação pra cuidar da minha aparência, preferia comer à vontade do que ficar de dieta, mas agora é questão de escolha: ou eu decido viver de dieta daqui pra frente, ou eu começo a injetar insulina na minha barriga todos os dias. Eu não sei vocês, mas eu ODEIO injeção e morro de medo de agulhas! Já não gosto de ter que ficar furando o dedo pra medir a glicose, e a idéia de ficar fazendo injeções todos os dias me arrepia. Então o quanto eu puder adiar isso, melhor. Vou continuar comendo certinho e fazendo meus exercícios pra controlar a diabetes, e com certeza vou continuar vendo meu peso baixando, como consequência. Tenho certeza que nesse ano vou conseguir perder os 10kgs que eu queria há tanto tempo.


Há males que vêm para bem, quem diria que uma doença me ajudaria a ficar mais saudável? Se a gente não aprende enquanto há tempo, aprendemos no susto. Eu estou bem empolgada com meus novos hábitos, minha nova alimentação e minha rotina de exercícios. Estou tendo um foco que nunca tive antes, e estou comprovando o quanto temos que batalhar pra colher resultados. As coisas não acontecem rapidamente, tudo o que colocamos na boca ao longo do dia, trará um resultado, e o número na balança e no medidor de glicose só diminui com muito esforço. Se eu falho o exercício por 1 dia os números já aumentam. Se eu como um pouquinho a mais do que deveria os números aumentam também. Cada dia é uma nova luta, um novo aprendizado. E sinto que vai ser assim por um longo período. Por isso decidi vir aqui compartilhar com vocês esse universo novo em minha vida. Não teria como não mencionar esse assunto aqui no blog. Então vou tentar vir falar pra vocês mais sobre minha alimentação, a diabetes e os exercícios. Espero poder ajudar, inspirar e trocar figurinhas com quem também tem diabetes ou quem quer emagrecer.

Sem querer acabei voltando pra essa velha resolução de ano novo. Mesmo forçado, agora 2015 terá de ser o ano saudável pra mim. Vamos acompanhar esse processo...




Beijos!





quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Seja mais organizado em 2015!


Chegamos na metade de janeiro e muitos estão correndo atrás de cumprir suas metas e resoluções de ano novo, e uma das metas que quase todo mundo tem é a de ser mais organizado. Você sempre pode melhorar no quesito organização, e ter uma vida mais organizada te trará mais tranquilidade, te ajudará a usufruir melhor o seu tempo e facilitará sua vida no dia-a-dia. Não tem por que você não querer ou não precisar ser um pouquinho mais organizado!

Eu gosto muito de falar sobre organização mas não pensem que sou uma pessoa super organizada! Eu falo sobre o assunto justamente porque preciso me organizar mais, é uma necessidade em minha vida. Compartilho com vocês o que tenho feito pra me organizar e dá certo, mas não são todos os aspectos da minha vida que estão organizados. Ainda tenho um longo caminho pela frente pra poder me considerar uma pessoa organizada. Estou aprendendo junto com vocês!

Já faz alguns anos que leio bastante sobre o assunto, procuro dicas na internet e acompanho blogs do assunto. Quanto mais eu leio sobre isso, ou vejo fotos de casas organizadas, mais eu tenho vontade de me organizar! É um estímulo! Por isso gosto de usar o blog para estimular vocês também, e para começarmos bem o ano resolvi compartilhar algumas dicas que me ajudaram e poderão te ajudar a se organizar mais. Confira:


1. Vá por partes!


Não pense que em um mês você conseguirá organizar todos os aspectos da sua vida e todos os cômodos da sua casa. Organização é um estilo de vida, você precisa estar sempre controlando, reorganizando, arrumando, reavaliando. O armário que você arruma hoje já estará bagunçado novamente na semana que vem se você não  fizer uma manutenção frequente. 

Aqui em casa eu preciso arrumar os closets todas as semanas! Eles não ficam arrumados no dia-a-dia, uma vez por semana eu preciso arrumá-los. Assim como os armários da cozinha eu preciso dar uma arrumadinha cada vez que eu for guardar a louça, pois se eu amontoar os potes de qualquer jeito logo ele estará todo bagunçado novamente! Cada vez que faço compras preciso arrumar as coisas direitinho no armário, preciso dar um jeitinho na geladeira, sacou? É algo que precisamos estar sempre controlando, fazendo uma manutenção.

Sonho de geladeira organizada!


A organização de aspectos importantes da sua vida, não só da casa, também precisa acontecer com calma, uma parte de cada vez. Vá por partes! Separe um tempo semanal pra organizar alguma coisa. Tire uma horinha no domingo pra elaborar um cardápio. Depois tire uma horinha na outra semana pra arrumar um armário, uma gaveta, e assim vá indo. Uma coisa de cada vez! Para chegar ao fim do ano podendo dizer que em 2015 você conseguiu ser mais organizado, você terá que fazer uma coisinha a cada semana, devagar e sempre!


2. Seja realista


Tenha em mente que você é uma pessoa desorganizada que tem um longo caminho a percorrer. Não queira virar organizado da noite pro dia. Não tente organizar uma rotina e controlar cada minuto do seu dia. 

Uma coisa que nunca funcionou pra mim é rotina. Então desisti de fazer isso! Se eu pegar minhas agendas dos anos anteriores, em todas elas, em todos os anos, tenho escrito lá como meta "organizar uma rotina", e aí tento elaborar um cronograma como "acordar às 5:30 e ir malhar", "café da manhã às 7 horas", "cuidar da pele todos os dias antes de dormir", etc. Isso nunca funcionou pra mim, então não tento fazer mais. Seja realista e pegue leve, se algo não funciona pra você então não tente forçar. Organização é um sistema que funcione, que seja prático, que facilite a vida das pessoas, então se algo parece ser ótimo mas não funciona na sua vida, procure um método melhor pra você.

Papelada da casa 100% organizada. Um sonho!



3. Elabore pequenas metas específicas


Isso sim é o que funciona de verdade: ao invés de se focar em "ser mais organizado", foque-se em pequenas tarefas bem específicas. Por exemplo, tente usar uma agenda e anote lá as tarefas que você quer cumprir todos os dias. Se esforce pra todos os dias usar a agenda até formar o hábito. Vá cumprindo uma tarefa de cada vez. Faça uma lista bem pequena de tarefas, seja realista! Não tente fazer 5 coisas ao chegar do trabalho, se foque em apenas uma, no máximo duas! Pois se você conseguir cumprir uma tarefa já é melhor que nada! E se você tiver uma lista de 7 coisas e fizer só 1, se sentirá frustrado pelo que não fez.

Eu não gosto de ter tarefas na casa todos os dias, eu me foco mais na semana. Eu estabeleço que nessa semana vou organizar os brinquedos dos meninos, e aí faço no dia que eu puder, sem muita cobrança. Você pode fazer uma lista de tarefas por semana, e aí em um mês você já terá organizado 4 partes da sua casa. É muito melhor do que não fazer nada!

Que sonho de gaveta!

Farmacinha 100% organizada!

Maquiagens organizadinhas!



4. Use o que você tem à disposição


Essa dica eu não vi em lugar nenhum, foi algo que aprendi sozinha e que me ajudou muito. Quando queremos organizar a casa, vemos tantas fotos lindas de cestinhas e caixinhas lindas e combinando e queremos fazer igual. Mas se você for comprar todas aquelas cestinhas você gastará um valor alto que talvez você não tinha planejado no seu orçamento, e aí? Se você for esperar comprar as cestinhas bonitinhas pra poder organizar um armário você poderá ficar meses com o armário bagunçado!

Desde que decidi me organizar eu comecei usando o que tenho em mãos. Uso as caixas que tenho, as cestas que tenho, uso caixas de papelão, etc. Até hoje não tem uma peça da minha casa que esteja organizada como eu gostaria, digna de fotos para o Pinterest, mas pelo menos tem coisas arrumadas e funcionando. Se eu for esperar ter 100 dólares sobrando na minha conta pra poder comprar várias cestinhas e caixinhas eu não vou organizar minha casa nunca! Porque nunca sobra dinheiro pra isso! Quem é que quer tirar 50 ou 100 dólares do salário pra comprar cestinhas?? Fala sério, é melhor  comprar um sapato, uma bolsa nova! Hehehe... Então use o que você tem no momento. Faça um sistema que funcione. Depois de alguns meses, se você viu que aquele modo funcionou, aí compre as cestinhas novas só pra aquele espaço.

Sonho de cestinhas! Haja dinheiro!!!

Mas lembre sempre que organização não é algo pra ser bonito, pra ficar igual às fotos de revista e dos blogs. É algo que funcione e facilite a sua vida. Você não precisa mostrar pra ninguém, mas precisa te fazer bem, te ajudar. Esse é o objetivo.



5. Use o tempo a seu favor


Não espere você ter tempo pra organizar a sua casa. Faça o tempo acontecer. Você é quem controla o que fará nas 24 horas dos seus dias, 7 dias por semana. Pare e pense se vale a pena tirar 1 hora da sua semana pra elaborar um cardápio, que facilitará sua vida durante toda a semana. Você gastará esse tempo de qualquer jeito, seja no facebook ou dormindo. Não use o tempo como desculpa, use ele a seu favor!

Eu tive que mudar o meu pensamento pras coisas se organizarem na minha vida. Ao invés de pensar "não acredito que vou perder a tarde de domingo limpando a casa, sendo que eu poderia estar descansando ou fazendo qualquer outra coisa", eu comecei a pensar "se eu tirar 2 horinhas desse domingo pra dar um jeito na casa, vou começar a semana muito melhor, vou me sentir feliz e realizada, e nem sentirei falta dessas duas horas, afinal iria disperdiçá-las assistindo algum filme ou navegando na internet". Entendeu como funciona? Não se faça de vítima, não dê desculpas, nunca diga que não tem tempo pra fazer as coisas. Pare e pense quanto tempo você leva pra fazer determinada tarefa, e pense se vai valer a pena ter aquela tarefa realizada ou se você prefere disperdiçar aquele tempo. 

Eu não penso mais que domingo é o dia de fazer faxina na minha casa, eu penso que quero separar 2 horinhas no final do meu domingo, após ter descansado e curtido a família, pra arrumar a minha casa, pois tenho consciência que o benefício disso vale muito mais do que aquelas 2 horas.

Você precisa passar uma pilha de roupas? Não pense que você perderá uma noite inteira fazendo isso. Pare e pense: em quanto tempo consigo passar essas roupas? Consigo fazer em 1 hora? Então vou dedicar 1 hora da minha noite pra fazer isso. A sala está bagunçada, em quanto tempo você acha que consegue arrumar tudo? 15 minutos? Então tire 15 minutinhos pra fazer isso. Use o tempo a seu favor na hora de cumprir suas tarefas!

Sonho de armário!

Sonho de closet!



6. Assuma responsabilidade com a sua vida


A pior atitude que uma pessoa pode ter é se fazer de vítima, ter pena de si mesmo e ficar dando desculpas. Você é responsável pela sua vida, se algo é importante pra você, vá e faça acontecer. Ninguém fará isso por você.

Se ter a casa limpa é importante pra você (acredito que seja para todo mundo), então não fique se martirizando, levante e limpe! Não culpe o marido que não te ajuda, as crianças que bagunçam, o cachorro, o gato, etc. Vá e faça. Faça por você, não pelos outros! É algo importante pra você, e precisa ser feito. Então faça.

Um problema que eu tinha com relação à limpeza da casa é que meu marido e meus filhos não valorizavam o meu esforço. O marido sabe muito bem ver quando a casa não está limpa, quando a pia está cheia de louças e quando tem uma pilha de roupas em cima da cama. Mas ele não nota e elogia meu esforço quando está tudo limpinho e em ordem. E eu usava isso como desculpa pra não fazer mais. Ficava desestimulada. Também me incomodava quando eu deixava a casa brilhando e via que em poucas horas meus filhos já bagunçavam tudo novamente. E isso parece um bom motivo pra não tentar manter minha casa em ordem até eles fazerem 18 anos. Mas fui percebendo que me fazer de vítima não levava à nada. Não me trazia benefício algum, pelo contrário, minha casa ficava cada vez mais bagunçada, e eu mais estressada. Foi aí que percebi o quanto isso me afeta. Se a casa está bagunçada EU me incomodo, EU fico estressada. Se eu limpo a casa eu me sinto realizada, orgulhosa, mesmo que ninguém note ou elogie. Eu me sinto bem. E isso deve ser o motivo pra eu fazer as coisas. Então mudei de atitude e comecei a fazer as coisas por mim, pra me agradar, não pra agradar a outros. Se algo é importante pra mim, eu vou fazer para me sentir realizada. Faça o mesmo também. É a sua casa, o seu ambiente, se você se sente bem em chegar em casa e encontrá-la arrumadinha e cheirosa, então faça isso acontecer. Assuma a responsabilidade. O chão sujo não irá se limpar sozinho. Alguém precisa limpá-lo, e se você é que tem que fazer isso, então faça. A vida não é feita só de coisas boas e prazerosas. A vida é feita de tarefinhas chatas que ninguém gosta de realizar, mas precisam ser realizadas.

Sonho em ter embrulhos pra presentes organizados assim!

Sonho de área de serviço!



Espero que essas dicas possam te ajudar assim como tem me ajudado nessa longa jornada.

Um 2015 mais organizado para todos nós!

Beijos!



segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Passeio no Aquário de Toronto

Esse é o primeiro post "pra valer" de 2015 e não poderia ser mais especial com esse passeio incrível ao aquário de Toronto. No dia 26 de dezembro fizemos esse passeio que estava no topo da nossa lista quando viemos pra Toronto, e realmente valeu muito a pena, é passeio obrigatório pra quem vier pra cá.  Esse aquário foi um dos lugares mais legais que já conheci, e foi um dos melhores passeios que fiz com meus filhos!

Fiz um vídeo pra registrar melhor esse passeio e pra vocês poderem conhecer um pouquinho dessa grande atração de Toronto. Apertem o play:





O Ripley's Aquarium of Canada fica muito bem localizado bem ao lado da CN Tower, ou seja, você pode conhecer as duas maiores atrações daqui em um passeio só.


O aquário é muito grande, é um passeio de umas 3 horas, mas você pode ficar tranquilamente uma tarde inteira lá dentro, pois tem muita coisa legal pra olhar. Além das atrações de qualquer aquário, esse tem uma esteira que te leva para um túnel gigante onde você tem a sensação de que está dentro do mar, com os tubarões e as arraias gigantes passando por cima de você. É incrível a sensação quando você está nesse túnel, eu poderia passar umas 4 horas lá só observando a beleza do lugar!

Também tem diversos aquários com peixes coloridos, com algas gigantes, com corais, com estrelas do mar, etc. A sessão das águas-vivas é muito legal também. Pra mim a melhor parte foi o aquário das arraias, pois tinha duas mergulhadoras lá dentro alimentado-as e tocando-as. Foi onde eu passei a maior parte do tempo, era incrível ficar observando aqueles animais gigantes nadando de forma tão delicada. Os meninos amaram tocar nas arraias, e acho que essa foi a parte preferida deles.


O valor dos ingressos é de $30 dólares para adultos, $20 para crianças de 6-12 anos, $10 para crianças de 3-5, e $20 para idosos (acima de 65 anos). Crianças de 0-3 não pagam. Para mais informações acesse o site deles, clicando aqui.  Eu acho as atrações daqui caras, para nossa família de 4 não gastamos menos que 100 dólares em qualquer passeio de Toronto. Por isso estamos indo aos pouquinhos, estou louca pra ir na torre, mas nesse dia decidimos ir no aquário, então a torre vai ter que esperar até a primavera, quando estiver sem neve e a visão será melhor.

Espero que vocês tenham gostado de conhecer essa grande atração de Toronto. Quem vier nos visitar com certeza fará esse passeio com a gente, e mal vejo a hora de voltar lá!

Beijos!

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Novidades e planos para 2015

Hoje vim compartilhar com vocês as novidades e os planos para o blog para esse ano que está começando!


A primeira novidade é que no próximo mês lançarei um novo blog.  Esse blog é um projeto que eu já estava planejando há alguns anos, antes mesmo de vir para o Canadá, mas eu ficava adiando por não ter tempo e não ter certeza se daria conta de manter dois blogs. Por muitas vezes Deus me mostrou que eu deveria aceitar esse projeto, então decidi encarar o desafio para esse novo ano. No próximo mês será lançado o Mãe Adventista, o portal das mães cristãs que compartilham da mesma religião que eu. Lá eu irei englobar todos os assuntos que nos envolvem: família, saúde, educação cristã, igreja, escola sabatina, aventureiros, desbravadores, ministério da criança, ministério do adolescente, etc. Nossa igreja é muito rica em materiais, ministérios e atividades para nossos filhos, e seria ótimo ter tudo isso organizado em um site. Lá as mães adventistas poderão encontrar em um só lugar todos os assuntos que ocupam o seu tempo. Espero que as mães adventistas que me lêem aqui possam desfrutar desse novo blog, totalmente voltado para nós!

O site ainda não está no ar, ficará pronto só no próximo mês, mas já vão colocando em suas listas de favoritos:




E quanto a esse blog aqui, não pensem que eu o abandonarei, pois pelo contrário, estou com muitos planos para ele neste ano! Eu gostaria de compartilhar com vocês um pouco de como será a programação para 2015. Confiram:


Frequência de atualização

Com a minha experiência de 5 anos de blog percebi  que 2 posts por semana são o suficiente. Eu levo em média 2 horas fazendo cada post, e não é justo eu dedicar todo esse tempo e os posts nem serem lidos por todos os leitores. Quando faço mais posts percebo que nem todos conseguem acompanhar, então pretendo fazer um post no início da semana e outro perto do fim de semana. Então podem esperar que entre segunda e quinta-feira sempre terá posts novos por aqui! Caso minha agenda fique muito apertada em algum período de tempo, eu irei avisá-los que teremos apenas um post naquela semana, mas se tudo der certo conforme minha programação acredito que isso não acontecerá tão cedo.


Conteúdo

Essa parte não vai mudar muito, continuaremos com a programação normal do blog, com os seguintes assuntos:

:: Crescimento dos meus filhos;

:: Fotos de passeios em família;

:: Vida de mãe;

:: Vida no Canadá;

:: Dicas sobre educação dos filhos;

:: Idéias de atividades para fazer com os filhos;

:: Celebração de datas comemorativas;

:: Organização;


Como vocês já puderam perceber no ano passado comecei a tirar o foco do blog no Allan e no Pedro e comecei a falar mais sobre maternidade em geral. Conforme meus meninos estão crescendo estou procurando proteger mais a privacidade deles, por isso eles aparecem mais em fotos de passeios ou nas cenas do cotidiano. Isso continuará acontecendo gradualmente até eles entrarem na adolescência e falarem "chega". Quando isso acontecer eu terei que ficar apenas com o Mãe Adventista, e por isso estou escrevendo mais sobre outros assuntos por aqui.

Um assunto novo que quero explorar nesse ano é sobre a minha profissão no Canadá, sobre as escolas e a educação daqui. Eu sou apaixonada por esse assunto e tenho aprendido muito, e quero compartilhar com vocês, pais e professores do Brasil, pra que possam conhecer o que é diferente por aqui. Como fui professora no Brasil e agora no Canadá, acho que tenho uma boa visão pra passar pra vocês.


Séries no blog

Eu gosto muito de organizar o blog por séries e vou continuar com algumas séries antigas e também farei umas novas ao longo do ano. Algumas séries terão posts com mais frequência, já outras surgirão apenas por um período de tempo. Confiram as séries que planejei para esse ano.


- Séries que continuarão ao longo de todo o ano, com posts mensais:


:: Cenas do Cotidiano;

:: Vida no Canadá;

:: Vida Organizada;

:: Comida de Mãe;


- Séries novas que aparecerão esporadicamente:


:: Sessão Saudade;

Nessa série postarei fotos antigas da nossa família para revivermos momentos importantes e homenagearmos pessoas que fizeram parte da nossa vida e que ainda são muito importantes para nós.


:: Vale a pena compartilhar;

Aqui compartilharei links de posts legais que li, reportagens, matérias e vídeos que vimos aqui em casa e que mereçam ser compartilhados. Também irei registrar o que temos lido aqui em casa e os livros que valeram a pena.


:: O que alegra os meus dias;

Essa série é para quando eu estiver bem ocupada e sem muita inspiração, aí vou reunir as fotos dos momentos e das coisas que fazem meus dias mais alegres e felizes.


:: Sem Palavras;

Essa série acontecerá ao longo do ano, sem uma data definida, e consistirá em posts somente com fotografias e sem texto. Estou precisando estimular meu lado fotógrafa que anda abandonado, e esses posts serão um estímulo pra tirar a poeira da câmera!


:: Discover Toronto With Me;

Toronto é uma cidade incrível com muitas atrações! Conheci muito pouco até agora, e pretendo ir mostrando mais da minha cidade atual conforme eu for explorando.



Vídeos no Youtube

Faz tempo que quero gravar mais vídeos para o blog, e desse ano não escapa. Através do vídeo eu tenho uma interação diferente com vocês, fica uma relação mais íntima com os leitores, e eu gosto muito disso. Também através dos vídeos eu posso falar mais, explicar melhor, dar mais detalhes sobre determinados assuntos. Pretendo postar 1 vídeo por mês da série "Comida de Mãe" e também vídeos esporádicos mostrando como organizo as coisas aqui em casa, curiosidades sobre o Canadá e Toronto, sobre as escolas e a minha profissão, etc. 

Vídeos definitivamente dão muito mais trabalho do que posts escritos, por isso não prometo um número grande de vídeos, e nem uma qualidade alta de produção e edição, pois não sou muito entendida disso e não tenho muito tempo pra me dedicar como as blogueiras que vivem só de blog. Mas podem esperar vários vídeos para esse ano pois está nos planos!



Com tanto conteúdo e postando apenas duas vezes na semana vocês podem perceber que já temos posts garantidos até 2016, né?!!

Espero que vocês me acompanhem ao longo desse ano! Estou bem animada e quero oferecer uma boa qualidade de posts para vocês. Na medida do possível quero melhorar minha comunicação com os leitores, por isso enviem comentários e emails com perguntas e sugestões que eu usarei esse feedback para avaliar o que vocês estão gostando de acompanhar aqui no blog.

Me encontre aqui:

Email: nadiafbf@gmail.com


Um beijo e um ótimo 2015 para todos nós!






domingo, 28 de dezembro de 2014

5 anos de blog- Retrospectiva e Melhores Posts de 2014

No dia 30 de setembro de 2009 surgia esse blog. O primeiro post foi tímido, e vocês podem conferir clicando aqui. Eu tinha 22 anos, o Allan tinha 4 e o Pedro tinha 6 meses. Morávamos em Santa Maria e eu estava no fim da faculdade. Criei o blog com o intuito de registrar os melhores momentos que passava com meus filhos. Não queria perder nada da infância deles, e decidi criar o blog pra colocar as fotos, os momentos, as frases engraçadas deles. Também queria que os familiares que moravam longe pudessem acompanhar o crescimento dos meninos. 

Cinco anos se passaram. Estou perto dos 30, o Allan virou pré-adolescente, tem seu próprio blog, canal no Youtube, email e facebook. O Pedro tem quase 6 e já vai na escola, em breve estará lendo e escrevendo em duas línguas. Desde a criação do blog nos mudamos 6 vezes. Vocês nos acompanharam em 6 casas diferentes, em 5 cidades, 4 estados e 2 países. Eu nunca imaginei que as minhas aventuras com meus 3 meninos seriam tão grandes assim! Nunca imaginei que o blog permaneceria por tanto tempo, que ele cresceria tanto e que ele conteria todas essas histórias! Estou muito feliz com o blog, ele superou todas as minhas expectativas, mas a melhor parte é que ele ainda corresponde aos objetivos que eu tinha pra ele lá no dia em que o criei!

Como vocês sabem o mês de setembro foi bem corrido, foi quando mudamos para Toronto. Nem o aniversário de 10 anos de casados eu consegui comemorar direito, por isso deixei pra "comemorar" o aniversário do blog só agora. E pra comemorar eu decidi fazer uma retrospectiva desses 5 anos. Assim os leitores novos que chegaram nesse ano poderão ficar por dentro do que rolou por aqui nesse tempo.

(Clique nos títulos para acessar os posts!)



O que rolou nesses 5 anos de blog...



Mudanças:


1. Para o nosso apartamento próprio em Santa Maria/RS;




2. De Santa Maria para Passo Fundo/RS;




3. De Passo Fundo para Chapecó/SC;



4. De Chapecó para Charlottetown/Canadá;




5. De Charlottetown para Stratford/PEI;




6. De Stratford/Prince Edward Island para Toronto/Ontario;





Cenas do Cotidiano:


2010












2011








PS: O 7 eu perdi pelo caminho...devo ter excluído!


2012





















2013






2014

























Atividades com os meninos:


































Passeios em família:















Frases e situações engraçadas dos meninos:


Primeiro post de frases engraçadas do Allan;

Pedro fazendo carinho no Allan (ou quase isso);

Allan todo pintado com tinta preta;

Frases Engraçadas do Allan;

Mais frases engraçadas do Allan;

Comercial de Margarina Fail;

Seleção das frases mais engraçadas do Allan;



Dicas:


Meus truques pra deixar as fotos mais bonitas;

Aproveitando cada momento do dia com meus filhos;

Momentos especiais pra curtir mais a família;

Dicas pra quem quer morar no Canadá;

Dicas pra contribuir com a alfabetização do seu filho;

Rotação de Brinquedos;

Como se sentir bonita em um mundo feio;

Um encontro com seu filho;



Top Posts de 2014



Por que é importante cozinhar com seus filhos;

Atividade de ciências que mantém seu filho quietinho por um bom tempo;


Festival de inverno para crianças;


Massa de modelar com maisena e detergente;


Eu não sou uma mulher moderna;


O Canadá é melhor que o Brasil? 


Como acalmar seus filhos sem o uso de aparelhos eletrônicos;

O Halloween em um lar cristão;

Toronto Zoo;

O espetáculo do outono canadense;

Comida de mãe: receita de pão caseiro;

Dicas pra praticar inglês antes de sair do Brasil;

Como transformar sua casa em um lar;

Papai Noel existe? O natal das crianças cristãs;

10 anos de casados;


Espero que vocês gostem de rever esses posts e continuem nos acompanhando nos próximos anos!

Muito obrigada pelo carinho de vocês!

Beijos!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...